Seja bem-vindo ao site da Sicredi Serrana

Seja bem-vindo ao site da Sicredi Serrana

Você já parou para pensar se é um turista responsável?

13 de Agosto de 2020

Você já parou para pensar se é um turista responsável? min de leitura

Este texto é um convite para esta reflexão!  

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

Em um mundo “normal”, ou seja, antes da pandemia, como era o seu tempo de lazer? Nos finais de semana, um passeio ao ar livre, uma aventura gastronômica, a descoberta de um novo atrativo na região? Nas férias, uma viagem para outros estados, ou alguns dias na praia para aproveitar o calor e passar um tempo de descanso com a família e amigos, não é? 

Pois é, o coronavírus mudou a nossa rotina e atingiu fortemente o setor turístico, que é responsável por parte da economia de muitas regiões, entre elas a Serra Gaúcha. Nas últimas semanas, nos recolhemos para preservarmos a saúde nossa e daqueles que amamos e fizemos das casas e apartamentos espaços de refúgio.

Alguns meses se passaram e, aos poucos, estamos aprendendo a conviver com um novo “normal”, que se impôs entre a gente sem a nossa permissão: máscara, álcool gel, distanciamento social, grupos de duas ou três pessoas sendo considerados aglomeração. É este cenário, cheio de cuidados e com algumas restrições, que está nos possibilitando retomar, aos poucos, algumas atividades importantes para a saúde física, mental e econômica das pessoas e da região, entre elas o turismo.

Sabemos que as viagens para outros estados devem ser evitadas e que para outros países não estão permitidas em razão do fechamento de muitas fronteiras. Então, quando você se sentir seguro para sair de casa, uma boa alternativa é passear pela nossa região, dar uma oportunidade para o turismo local, redescobrir (ou quem sabe descobrir!) roteiros e atrativos. Tudo isso, sem esquecer de todos os cuidados que o momento exige, ou seja, praticando o turismo responsável!

Mas como fazer isso? Calma, a gente explica:
Primeiro, observe as recomendações dos órgãos de saúde, como o uso de máscara, álcool gel e o respeito ao distanciamento social. Esses cuidados são indispensáveis para preservar a sua saúde e de quem está ao seu redor.

Priorize espaços que ofereçam contato com a natureza, lugares ao ar livre que contam com circulação de ar e permitem o distanciamento de outras pessoas que também estão passeando pela região. 

Evite destinos reconhecidos pelo turismo de massa, que priorizam o acúmulo de pessoas ou invés de uma experiência mais individualizada.

Tente não “ver com as mãos”, ou seja, não toque em objetos sem necessidade. E se o fizer, evite levar as mãos ao rosto e reaplique o álcool gel quantas vezes forem necessárias. Compartilhar objetos pessoais, como máscara, copo, garfo e faca, com outras pessoas também está na lista do que um turista responsável não deve fazer!

Outra dica é pesquisar por estabelecimentos certificados pelas secretarias de turismo dos municípios com o selo de “turismo responsável”, concedido às empresas que asseguram o cumprimento de requisitos de higiene, limpeza e de todos os cuidados necessários para a segurança dos visitantes e dos seus colaboradores.

Deste modo, aos poucos, retomaremos as atividades que movimentam a economia da nossa região e proporcionam leveza à vida. Com todas as precauções, sempre priorizando a sua saúde e a da família. 😊